O QUE É MAIS IMPORTANTE?

Ir. Letícia Gonçalves de Sousa, EP

Depois do pecado original, a natureza humana tornou-se mais tendente a buscar sua felicidade nas coisas materiais vinculadas facilmente aos sentidos do que naquelas ligadas ao espiritual. Quiçá seja este o motivo pelo qual o Divino Mestre perfumou as páginas do Evangelho com ensinamentos a respeito da grandeza do Reino do Céu a fim de que, encantados pela beleza deste, os homens perdessem o desejo de gozar desta terra passageira e corrompida.

Nosso Senhor também Se utilizou das parábolas do Reino para falar do caráter militante da Igreja: “quando é semeado, é a menor de todas as sementes. Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra” (Mc 4, 31-32).

Assim sendo, facilmente podemos responder à seguinte pergunta: o que mantém viva, influente e em contínua expansão a Esposa Mística de Cristo? É a estirpe de almas que, escutando as divinas palavras de Nosso Senhor, avançam para fazer com que um dia venha a nós o reino do Pai. A maior arma de apostolado destes apóstolos não é outra senão a vida interior.

São Carlos Borromeu tem um sábio conselho neste sentido: “Não descuides de tua própria alma; se descuidares de tua alma, não poderás dar aos outros o que deves dar”.[1] Este é o segredo do desenvolvimento e da força dessa árvore sagrada, que um dia foi um grão de mostarda. Sua seiva é o auxílio da graça divina, e não a força humana. Portanto, se realizamos boas obras, “não devemos nos pôr a pergunta se os homens reconhecerão nossas realizações e nossas grandezas. Importa sabermos que Deus nos assiste, perscrutando no fundo das almas o amor com que O servimos”.[2]

Podemos dar muita glória a Deus em nossas ações de cada dia, desde que tenhamos as vistas postas no sobrenatural e, não apenas no concreto, sendo perfeitos “como o Pai celeste é perfeito” (Mt 5, 48). “Assim fez Cristo Jesus durante Sua vida pública: ocupadíssima, intensíssima, entretanto, sempre impregnada de oração e contemplação”.[3] Sigamos, pois, os seus passos.

[1] CARLOS BORROMEU, Santo. Sermão. In: COMISSÃO EPISCOPAL DE TEXTOS LITÚRGICOS. Liturgia das Horas. Petrópolis: Vozes; Paulinas; Paulus; Ave Maria; 2000, v. IV, p. 1436.

[2] CORRÊA DE OLIVEIRA, Plinio. Santidade, o ideal de todo homem. In: Dr. Plinio.  São Paulo, Ano IV, n. 44, nov. 2001, p.10.

[3] CLÁ DIAS, João Scognamiglio. O amor imperfeito de Maria e a preocupação naturalista de Marta. In: Arautos do Evangelho. São Paulo: Ano IX, n. 103, jul. 2010, p. 15.

4 ideias sobre “O QUE É MAIS IMPORTANTE?

  1. Salve Maria,Querida Ir.Letícia Gonçalves de Souza,EP!
    Muito lindo esse artigo.
    Gostei muito deste trecho:

    “Nosso Senhor também Se utilizou das parábolas do Reino para falar do caráter militante da Igreja: “quando é semeado, é a menor de todas as sementes. Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra” (Mc 4, 31-32).”
    Pensei no que uma senhora nos disse ontem num Encontro(Chá Natalino)para nós voluntário(a)s num Lar de Idoso(a)s.Essa senhora é a Presidente do Lar.Disse-nos sobre o voluntariado e os Dons recebidos por Deus.
    Fiquei muito feliz ao ouví-la e senti como se fosse Nossa Senhora a nos dizer algo….cada um(a)do(a)s voluntário(a)s dá um pouco de si,no dia e no momento certo,na atividade o Lar necessitar.Parece pouco trabalho aos olhos de muitos….mas Deus está vendo tudo.
    Assim são as doações de si para com o próximo….Podem não aparecer,mas no final de tudo,quando se vê a maravilhosa Obra do Lar Vicentino(Frederico Ozanam)vimos o quão Grande poder tem as mãos de Nossa Senhora das Graças ali….Pois é Nossa Senhora habitando cada voluntário(a).
    Unido(a)s,mesmo que em atividades diferentes,mesmo que em dias diferentes,a Obra vai caminhando,vai se formando no tempo,devagar,mas sempre!!!!em frente.
    O importante numa semeadura,não é o quanto se coloca materialmente ali,mas o quanto de Amor se coloca para fazer do que é colocado materialmente ali da melhor maneira possível.Com pouco,é possível Maravilhas!!!
    Assim também,digo-lhes,Irmãs Arautos do Evangelho,tão Queridas para mim:
    Devagarinho ,cada palavra do(a)s senhore(a)s Arautos do Evangelho,cada afeto,cada demonstração de Carinho,de Amizade,de Acolhida para comigo,fez renascer em mim uma semente plantada que Deus a colocou em mim me criar:A Semente da Pureza!
    Graças dou ,em primeiro lugar ,a Deus,o Criador de todas as obras do Universo.
    Graças dou aos Arautos do Evangelho,em especial às lindas homilias do Monsenhor João S.Clá Dias,EP,pois foram elas que molharam essa semente em mim.Molharam com Sabedoria,devagarinho dia após dia,eu ouvindo diariamente a TV Arautos.
    Quando me dei conta,percebi o quanto meu ser está florido de Amor,o quanto de raízes da Família Arautos do Evangelho habita todo o meu ser.Sinto-me como uma parte dessa Família.Se hoje eu “cegamente”dos olhos da alma tentar arrancar uma dessas raízes,estarei abando a minha estrutura.,que voltou a enxergar com pureza.
    Muito obrigada,minhas irmãzinhas de Coração,por tão lindas palavras.
    Sonho em ver o Monsenhor de pertinho,e rezo diariamente,devagarinho o meu terço,para alcançar essa Graça!A semente da Esperança em falar ,em ouvir,em pedir a Bênção pessoalmente do Monsenhor foi lançada,porém,preciso agora regá-la com muitas Ave-Marias!E isto,não custa R$,contudo é a minha maior riqueza:A Oração.
    Desejo-lhes um Feliz e Santo Natal,abençoado pela Sagrada Família!
    Beijos fraternos.
    Ceres de Andrade Paes.

  2. Salve Maria!
    Com uma simples palavra, Nossa senhora pode nos santificar.
    Quem tenha algum desânimo, alguma tristeza ou alguma perplexidade na vida espiritual pode parafrasear o centurião que se dirigiu a Nosso Senhor, e pedir a Maria: ”Senhora, eu não sou digno de ouvir a vossa voz, mas dizei uma só palavra e a minha alma será transmudada, de um momento para outro, se vóz assim o quiserdes.”
    Nossa Senhora pode, de um momento para outro, nos santificar, dando-nos um grau eminente de virtude. Nós devemos pedir a Ela que sua voz se faça ouvir no íntimo de nossas almas e nos santifique, concedendo-nos uma virtude que, às vezes, anos de lutas e de trabalhos não nos proporcionaram, pois uma palavra de Nossa Senhora pode nos conceder isto.
    Extraído de conferencias.

    • Salve Maria,Estimado Sr.Carlos Rogério,EP.
      O senhor escreveu algo sábio:
      “Nossa Senhora pode, de um momento para outro, nos santificar, dando-nos um grau eminente de virtude. ”
      Chamo isso de GRAÇA!!!
      E quando recebemos tal Graça!!!não devemos nunca mais desviarmo-nos do Caminho do BEM,seguindo-o com Virtudes!!!
      É preciso rezarmos muito,sermos vigilantes!!!

  3. Impressionante esse artigo.
    “Devemos ser perfeitos, como o Pai é perfeito” e devemos de qualquer modo cultivar nossa alma para podermos passar ao próximo, um pouco dos reflexos de Deus através de nós. Que Nossa Senhora nos ajude nessa batalha.
    Salve Maria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *